loja de vinhos

Como abrir uma loja de vinhos

Em 2016, o consumo de vinho per capita neste país foi de 20,6 litros, o que está em um nível comparável há anos. Especialistas em mercado analisaram que os alemães tendem a gastar mais dinheiro em vinho do que em outras bebidas alcoólicas. Em geral, o vinho alemão é mais popular do que outras variedades de uvas, embora preços mais altos sejam aceitos para vinhos domésticos. Quem se descreve como um conhecedor de vinhos e já adquiriu experiência no comércio de vinhos finos pode lidar com a opção “iniciar sua própria loja de vinhos” de maneira prática.

Configurando um negócio com uma loja de vinhos: O que esta publicação fornece informações sobre

  • Fatos e tendências no mercado vitivinícola alemão => direção estratégica
  • os primeiros passos para o trabalho por conta própria em uma loja de vinhos
  • Gama de serviços e apresentação de produtos
  • Comércio de vinhos: de onde vêm os vinhos finos?
  • Por que a Internet pode causar problemas de vendas
  • Abrir uma loja de vinhos: formalidades a serem cumpridas
  • Qual cobertura de seguro faz sentido?

Comércio aberto de vinho com previsão: plano de negócios

É necessário um plano de negócios bem desenvolvido para configurar uma loja de vinhos o mais tardar quando se trata de previsões de custos e financiamento. Os pontos mais importantes a serem tratados em um plano de negócios profissional são:

  • Análise de mercado: Como é a concorrência na indústria do vinho?
  • Grupo-alvo: Quais clientes você gostaria de abordar com a seleção de vinhos e sua faixa restante?
  • Custos, vendas, lucros: que despesas e números de negócios você prevê antes de abrir seu comércio de vinhos?
  • Vendas: quais canais de vendas são lucrativos na indústria do vinho?
  • Ofertas adicionais: Você oferece degustação de vinhos, degustações ou seminários?
  • Localização: minha localização é adequada para um revendedor de vinhos?
  • Marketing de vinhos: quais mídias e estratégias de publicidade são adequadas ao seu modelo de negócios? 

Breve verificação de fatos para determinar a situação

O vinho está agora amplamente disponível como um produto de massa e até mesmo gotas supostamente baratas de descontos podem convencer os conhecedores. Portanto, não é de surpreender que 3 em cada 4 alemães comprem seus vinhos de descontos , com o preço médio por garrafa de 0,7 litro sendo 2,23 euros. Para vinhos alemães, você enfia mais fundo no seu bolso, existem 3,23 euros por garrafa. Especialistas em mercado acreditam que Riesling é uma das variedades de uvas mais populares na Alemanha. A este respeito, o ponto de partida não é muito fácil, pois supermercados e lojas de descontos representam uma concorrência onipresente, sem mencionar o comércio de bebidas.
 

O oposto de descontos

Nesse sentido, sua própria oferta no local escolhido deve diferir significativamente e, portanto, atender a uma demanda diferente . Seria possível oferecer vinhos caros ou de certas regiões que são muito difíceis de comprar em outros lugares. A grande vantagem de uma loja de vinhos é que fazer compras pode ser uma experiência sensual. Aqui, especialistas e especialistas têm a chance de provar uma ou duas gotas antes de comprar. Nenhum distribuidor pode acompanhar isso, o que significa literalmente que um valor agregado central pode ser desfrutado do ponto de vista do cliente.
 

Abertura de um comércio de vinhos: os primeiros passos para o trabalho independente

A idéia para iniciar um negócio deve ser madura em analogia às videiras! O plano de negócios é a melhor estrutura formal para usar seus pensamentos para criar um conceito estrategicamente sólido que convence de maneira compacta doadores externos a oportunidades sustentáveis. A esse respeito, os seguintes tópicos e conteúdo não devem estar ausentes:

  • Análise de mercado e busca de localização, avaliação da situação competitiva
  • Apresentação do grupo-alvo e estratégia de preços correspondente
  • números realistas sobre vendas, custos e margens de lucro-alvo
  • Planejamento de necessidades de financiamento nos primeiros anos
  • Apresentação da gama de ofertas: Que valor agregado / pontos de venda exclusivos estão disponíveis?
  • Quais canais de distribuição estão planejados?
  • De onde devem vir os produtos? Que condições?
  • Até que ponto o local escolhido é funcional?
  • Como a loja de vinhos deve ser comercializada de forma eficaz?
  • Existe uma oferta adicional digna de nota?
     

Autônomo como comerciante de vinhos: o que isso significa?

As questões levantadas já mostram que a paixão pelo vinho por si só não será suficiente para administrar uma empresa com sucesso ou com fins lucrativos. Além do conhecimento do mercado e dos produtos, o conhecimento empreendedor também faz parte do repertório necessário. Se você quiser lidar com as tarefas de planejamento colocadas profissionalmente, remova qualquer déficit com antecedência e, por exemplo, participe de seminários especiais para empresas iniciantes. Os fundadores devem estar dispostos a lidar com o lado comercial de uma loja de vinhos e, assim, definir as condições da estrutura orientada para o objetivo desde o início.
 

Seleção de produtos e apresentação de produtos na loja de vinhos

Especialistas em marketing enfatizam que o vinho é um produto emocional. Clientes e especialistas querem experimentar sensualmente . A este respeito, uma loja de vinhos profissional e com um design encantador é o local perfeito para experimentar a paixão pelo vinho. Tendo em vista a situação inicial delineada, as empresas iniciantes deverão se diferenciar claramente de uma loja de vinhos e de descontos, porque uma guerra de preços certamente será a estratégia errada. Em vez disso, uma loja de vinhos atrairá um grupo-alvo bastante pequeno, que também está disposto a pagar preços mais altos por produtos de alta qualidade. Obviamente, deve-se verificar se uma estratégia de alto preço é compatível com o poder de compra geral no local.

Indústria do vinho: que conhecimento você deve ter?

Como empresário, você nunca para de aprender. Iniciar um negócio na complexa indústria do vinho não é exceção. Duas áreas formam um cruzamento importante ao abrir um comércio de vinhos: o conhecimento da indústria e o conhecimento fundamental são a chave para o sucesso sustentável.

Especialização em vinho e enologia

Comprar o seu vinho favorito tornou-se fácil para o consumidor: supermercados, delicatessens, lojas de departamento e até quiosques vendem vinho como bem de consumidor. Além disso, os viticultores vendem seus produtos diretamente da vinícola. Então, o que diferencia seu depósito de vinhos? Convença com conhecimento e simpatia. Sua experiência em viticultura e gerenciamento de adega deve ser sólida e atualizada. Treine-se de forma consistente: Associações relevantes do setor, como a Wine and Spirits Association, literatura especializada, feiras e treinamentos adicionais, são todas oportunidades para expandir continuamente seu nível de conhecimento. Seu conhecimento especializado não apenas o ajudará com o aconselhamento do cliente, mas também com a compra de mercadorias e uma estratégia de marketing individual.

Conhecimento empreendedor para fundadores

As start-ups são responsáveis ​​de várias maneiras. Se você trabalha por conta própria com um comércio de vinhos, é o principal responsável por todas as decisões burocráticas, financeiras e de pessoal. Existem inúmeras oportunidades de treinamento adicional se você não possuir o conhecimento empreendedor. Além de uma ampla gama de literatura especializada para varejistas, existem seminários para fundadores e cursos para trabalhadores independentes: contabilidade, impostos, vendas ou marketing – aproveite a oportunidade para aprender empreendedorismo do zero. Em caso de dúvida, você pode contar com consultoria especializada de consultores fiscais ou de start-up. 

Uma loja de vinhos de sucesso precisa de um conceito atraente!

A configuração da loja de vinhos deve ser clara e imediatamente fazer você querer mais. Elementos de madeira e uma aparência que lembra uma adega podem ser fundamentais para um conceito eficaz. Como a apresentação interna e externa é de importância central para o marketing e a experiência de compra, os fundadores não devem deixar nada ao acaso a esse respeito e usar serviços profissionais para o design da loja. Escusado será dizer que isso às vezes requer altos investimentos iniciais. Mas isso é necessário para dar à loja de vinhos um rosto inconfundível. Com um plano de negócios convincente, idealmente, doadores externos podem ser conquistados. Caso contrário, as empresas iniciantes devem verificar antecipadamente qual financiamento pode ser usado, para tornar o espaço financeiro para manobras o maior possível. Aqui no selbststaendig.de, os fundadores de empresas encontrarão muitas dicas e ajuda prática.
 

Etapas importantes para negociar vinho

Se você deseja trabalhar por conta própria em uma loja de vinhos, deve ter um profundo conhecimento do mercado e do produto. Caso contrário, será difícil encontrar o sabor certo para o grupo-alvo que você está alvejando. Mesmo na fase inicial do planejamento do trabalho autônomo em uma loja de vinhos, as oportunidades de compras e cooperação devem ser examinadas: De onde os vinhos devem vir? Tendo em vista a respectiva gama de ofertas, muito trabalho pode ser feito pelos fundadores, se for necessário negociar negociações com revendedores de vinho em todo o mundo. O que está no plano de negócios já deve ser uma realidade. A este respeito, os revendedores independentes de vinho devem saber muito cedo de onde e especialmente sob quais condições os vinhos vêm. Essa é a única maneira de fazer um cálculo significativo em relação às margens de lucro e vendas.
 

Vendendo vinho online? Verifique a Internet como um canal de distribuição

Dependendo da localização, pode fazer sentido explorar a Internet como um canal de vendas adicional. No entanto, a experiência dos varejistas nos últimos anos mostra que a venda de vinho pela Internet não é um sucesso garantido, pelo contrário. O vinho é um produto que escapa ao boom geral de compras on-line, porque a maioria dos clientes deseja comprá-lo diretamente ou até experimentá-lo. Por ser um produto emocional, é bastante difícil comercializar na Internet. Obviamente, o sabor pode ser descrito em palavras floridas nos textos dos produtos, mas isso dificilmente substitui uma experiência sensorial de compras, como em uma loja de vinhos. Se você conscientemente não quiser comprar seu vinho na loja, certamente não verá a Internet como sua primeira escolha. A este respeito, deve ser consideradoA ideia de negócio está integrada.
 

Dica prática: valor agregado para clientes com uma loja on-line exclusiva

Uma loja on-line exclusiva que apenas os clientes da loja de vinhos podem usar seria concebível. Isso daria aos clientes a oportunidade de solicitar rapidamente seus vinhos favoritos online. O comerciante de vinhos pode confiar no fato de que o vinho encomendado é realmente bem recebido e aceito. Essa oferta exclusiva também reforça a qualidade percebida e contribui para a lealdade do cliente, essencial para o sucesso. Como os vinhos são acessíveis apenas a um determinado grupo de clientes, a disposição de se aprofundar também aumenta inconscientemente.
 

Faça você mesmo com uma loja de vinhos: formalidades e requisitos

Para iniciar seu próprio negócio com uma loja de vinhos, é necessário um registro comercial antes da abertura oficial da loja. Com o registro comercial, a obrigação de pagar imposto comercial também se aplica, cuja quantidade depende em grande parte da taxa local de aumento. Além disso, é estabelecida a associação obrigatória na Câmara de Comércio e Indústria. Como regra, os comerciantes nesta área não precisarão demonstrar nenhuma qualificação especial. No entanto, o conhecimento sobre a lei de proteção à juventude deve ser demonstrado, uma vez que a venda de bebidas alcoólicas a menores é proibida. Em caso de dúvida, a idade dos clientes na loja de vinhos deve ser verificada usando um bilhete de identidade. Também é necessário um registro comercial para o comércio on-line de vinhos.
 

Características especiais: degustação ou serviço de vinhos

Quais evidências e / ou requisitos de autorização devem ser observados depende da gama individual de serviços. Isso deve ser descrito em detalhes e da maneira mais precisa possível no formulário de registro de empresas (alterações posteriores estão sujeitas a notificação). Se o vinho é provado ou servido para venda, pode ser necessário obter uma licença . Definitivamente, isso será necessário se um pequeno café estiver integrado ao comércio de vinhos. Dependendo da situação, isso também pode oferecer aos clientes um valor agregado agradável. Além disso, devem ser observadas as condições do quadro jurídico do comércio varejista de uma loja de vinhos. Isso se aplica especialmente ao cumprimento do horário de funcionamento estatutário no respectivo estado federal.
 

Dica prática: verifique a cobertura do seguro individual em tempo útil!

Se você tiver muitos vinhos caros no armazém, considere fazer um seguro de estoque de alto desempenho. Em caso de dano, isso garante que a perda financeira possa ser compensada. Se você trabalha por conta própria, é claro que sempre deve ter sua própria pensão privada em mente. Além da necessidade de provisão de previdência privada , abre-se o caminho para o seguro de saúde privado.
 

O que é importante para iniciar um negócio …

  • Todo alemão bebe mais de 20 litros de vinho por ano, sendo que 3 em cada 4 garrafas são compradas em lojas. A sensibilidade ao preço desta bebida alcoólica é mais baixa, de modo que, especialmente nos vinhos alemães de alta qualidade, você aprofunda seu bolso
  • Com um plano de negócios profissional, a loja de vinhos é colocada de forma sustentável
  • Como o vinho é um produto com carga emocional, nada deve ser deixado ao acaso quando se trata de opções de apresentação e degustação de produtos na loja de vinhos.
  • A distribuição de vinho pela Internet é bastante difícil. Nesse sentido, deve-se verificar se esse canal de vendas pode ser lucrativo para o modelo de negócios
  • Antes de abrir uma loja de vinhos, um comércio deve ser registrado. O conhecimento da Lei de Proteção à Juventude deve ser demonstrado. Uma licença é considerada assim que o vinho é servido no local.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *