Gerente remoto: Como administrar uma equipe a distância

Como o teletrabalho continua a ser recomendado pelo governo e autoridades sanitárias para conter a epidemia, você se depara com a gestão remota de grande parte de suas equipes, ou mesmo de todas as suas.

Como gestor de múltiplas opções que lhe permitem organizar o seu trabalho e o dos seus colaboradores. Você pode, portanto, cumprir completamente sua função remotamente. Mas para não cair na anarquia mais completa, é altamente recomendável que você esteja familiarizado com os seguintes elementos que lhe permitirão administrar seu negócio ou suas atividades remotamente.

Configurar indicadores

Delegar algumas de suas funções a seus funcionários significa promover sua autonomia. Para garantir o sucesso do projeto, a implantação de acompanhamentos regulares é essencial. 

O gerente não deve, em caso algum, abandonar seus colaboradores à própria sorte, sem poder segui-los. Você deve colocar em prática os indicadores necessários para monitorar adequadamente o andamento do trabalho dos seus funcionários, a fim de poder ajudá-los a resolver suas dificuldades (que às vezes eles não ousam falar).

Converse remotamente com seus funcionários

O gerente deve se reunir regularmente com seus colaboradores. A frequência dessa entrevista varia de acordo com a importância das atividades. 

Quer seja diária, semanal, mensal, trimestral, semestral ou anual, esta entrevista deverá permitir-lhe avaliar as competências dos seus colaboradores. Por meio dele, você pode determinar os pontos fortes de sua equipe, as melhorias possíveis e as oportunidades que se abrem para elas.

Estabeleça um sistema de comunicação

Gerenciar uma equipe remotamente é difícil devido aos riscos associados a mal-entendidos e mal-entendidos. Para o evitar, deve estabelecer um sistema que lhe permita comunicar facilmente para que conheça todos os detalhes da evolução das tarefas que confia aos seus colaboradores. 

Seu ambiente de trabalho deve ser propício para trocas e compartilhamento de informações. Desta forma, torna-se mais fácil para ambas as partes resolverem em conjunto os problemas relacionados com a realização do projeto.

Treine seus funcionários nas últimas inovações

Você deve aprender a transmitir suas habilidades e know-how para seus funcionários. Para isso, você deve dedicar tempo para fornecer-lhes treinamentos úteis para o bom funcionamento da empresa e o desenvolvimento de cada projeto. 

As estratégias e ferramentas de marketing disponíveis para os trabalhadores evoluem à medida que a tecnologia se desenvolve. Mesmo os funcionários mais jovens podem não dominar as tecnologias e usá-las da melhor forma. Esta é a razão pela qual você deve dedicar tempo (ou dinheiro) para treiná-los.

Agende reuniões por videoconferência

O trabalho em grupo fortalece a coesão da equipe. Apesar da distância, você deve saber trabalhar com seus colaboradores para obter resultados alinhados aos objetivos coletivos. 

Para evitar efeitos indesejáveis, você deve despachar as missões de maneira correta e precisa para que seus funcionários se sintam responsáveis. O estabelecimento do trabalho em equipe requer monitoramento especial.

Crie um espírito de equipe

No contexto do trabalho coletivo, o desenvolvimento do espírito de equipe é essencial. Mesmo à distância, ao recrutar, você deve fazer sua escolha com sabedoria. Esse espírito geralmente é mais difícil de construir à distância. A boa vontade de alguns funcionários não é suficiente. Você precisa construir uma equipe cujos membros possam cooperar e trabalhar juntos para garantir o sucesso do projeto.

10 dicas para criar coesão em face da mudança

Movendo? Uma fusão com um concorrente? Novas instalações? Uma nova organização devido ao contexto econômico? Uma estratégia em evolução? … Não é fácil fazer seus funcionários concordarem em trabalhar de forma diferente! Aqui estão algumas dicas que o ajudarão a limitar os riscos e criar coesão em torno da nova direção que sua empresa está tomando.

Os humanos são naturalmente resistentes à mudança  e  temem o desconhecido . Todos preferem ficar na sua  zona de conforto , mesmo que não estejam satisfeitos com isso. Em relação à mudança organizacional, a resistência dos funcionários pode ter várias fontes: resistência psicológica que está ligada à ansiedade, resistência coletiva ligada à influência do grupo, resistência cultural ligada à ansiedade sobre a perda de valores

Dica 1 Seja claro sobre os motivos da mudança.

No caso de uma  Mudança , nada é pior do que explicações vagas que dão lugar às interpretações mais excêntricas dos funcionários e aos boatos que destroem a coesão. Para isso, duas palavras devem nortear sua comunicação: transparência e pedagogia.

Dica 2 Crie adesão em torno do projeto ou da mudança.

Você obterá essa associação mostrando aos funcionários os benefícios dessa mudança e nunca se esquecendo de se comunicar com eles e, portanto, a chave é o diálogo.

Dica 3 Lute contra a resistência à mudança.

Poucas pessoas buscam mudanças. Alguns de seus funcionários podem rejeitar o projeto porque ele atinge sua zona de conforto. A solução ? Dialogue, tranquilize e adapte sua fala a cada personalidade.

Dica 4 Ouça a todos.

Reserve um tempo para ouvir temores ou reclamações sobre mudanças, mas também suas idéias que trarão água para sua fábrica. Em alguns casos, o simples fato de se sentirem ouvidos permite que essas pessoas mudem de mentalidade. Ouvir é a melhor estratégia.

Dica 5 Mostre aos funcionários os efeitos positivos da mudança.

Uma vantagem para seus funcionários? Um ambiente melhor? Melhor desempenho? Explique aos seus funcionários porque a mudança está ocorrendo e o que eles têm a ganhar com ela, sem se esquecer de falar sobre as dificuldades para implementar a mudança.

Dica 6 Envolva os funcionários no projeto.

Seus funcionários podem se sentir envolvidos em um processo que não controlam. Sugira que participem do projeto de mudança: eles vão vê-lo de uma forma muito mais positiva e, acima de tudo, consideram-nos capazes de serem eles próprios os arquitetos da mudança.

Dica 7 Informe primeiro os funcionários que estão abertos a mudanças.

Tente gerenciar a mecânica do grupo o melhor possível. Procure convencer em primeiro lugar as pessoas passíveis de defender o projeto de mudança entre os demais funcionários. Seu entusiasmo será contagiante e eles podem ser excelentes porta-vozes.

Dica 8 Comunique-se com os funcionários que se opõem ao projeto.

Certos colaboradores certamente se posicionarão contra a mudança. Antes que consigam “infectar” seus colegas, converse com eles e tentem juntos encontrar soluções para melhorar a situação que os incomoda.

Dica 9 Evite mensagens contraditórias a todo custo.

Controle as informações que circulam para não confundir a mente de seus funcionários com  mensagens  contraditórias.

Dica 10 Respeite seus compromissos.

Mesmo um funcionário que seja favorável à mudança planejada poderá se opor a longo prazo se vir que você não cumpre suas promessas e que o enganou para obter sua adesão.

Como gerenciar uma equipe em um ambiente virtual?

Gerenciar uma equipe em um ambiente virtual requer habilidades específicas e ter equipamentos montados que oferecem todas as oportunidades. Na era da globalização, as novas tecnologias revolucionaram os meios de comunicação. 

Atualmente, aparelhos eletrônicos como computadores ou mesmo telefones tornaram-se elementos essenciais. Essas práticas modernas deram origem a novas formas de atividade, como o trabalho remoto. Veja como gerenciar uma equipe em um ambiente virtual. 

Certamente uma equipe virtual, mas uma equipe humana presente e trabalhando remotamente. O vínculo relacional entre o gestor e cada funcionário é fundamental e aí é fundamental aproveitar ao máximo cada ferramenta para que a comunicação seja amigável.

Equipe-os com boas ferramentas de TI 

Como o meio de comunicação de uma equipe virtual é remoto, cada membro da equipe deve estar equipado com as ferramentas de TI adequadas, como o e-mail da empresa por exemplo. Para garantir a pontualidade, você pode, por exemplo, equipá-los com ferramentas para determinar se eles estão ou não conectados ao computador. 

Devem ser bem escolhidos para garantir a segurança e o compartilhamento das informações entre os diferentes membros da equipe sem prejudicar o seu funcionamento. 

Comunicação regular e permanente 

Para gerir uma equipa virtual, a comunicação e a transmissão rápida de informações continuam a ser essenciais. A comunicação deve ser regular e permanente para manter um bom fluxo de informações entre toda a equipe durante a jornada de trabalho. 

Entre os meios de comunicação essenciais destacam-se o telefone, o email e o SMS, bem como as mensagens instantâneas. As informações fornecidas aos membros de sua equipe devem ser completas. 

Escolhendo o software certo 

Para que a comunicação seja boa, você precisará escolher o software a ser instalado nos diferentes computadores. Os softwares de comunicação mais usados ​​são Skype e 7Conference. Facilitando a comunicação e a supervisão da equipe, esse tipo de ferramenta também reduz as contas de telefone e permite a realização de videochamadas, o que tende a tornar o relacionamento mais humano. 

A escolha dos membros da equipe 

Como as equipes virtuais não estão presentes em seu escritório, resta escolher bem cada membro de acordo com sua tarefa e sua autonomia. Durante a entrevista de emprego , verifique as competências e a experiência dos seus funcionários para avaliar as funções que lhes são adequadas. Uma vez contratado, verifique regularmente se ele é capaz de atingir seus objetivos. 

As regras 

Mesmo que a equipe seja virtual, continua sendo importante estabelecer regras claras e precisas para estar bem organizado. Certifique-se de que todos em sua equipe estejam cientes disso e os aplique. A distância não deve constituir obstáculo e isentá-los de sanções adaptadas à sua não aplicação.

A webconferência

Assim como uma equipe “real”, uma equipe virtual deve realizar conferências regulares para se manter em contato. Exija a presença de toda a sua equipe durante cada webconferência. Desta forma, todos eles se sentirão preocupados com a situação da empresa e que você os considerará como funcionários de pleno direito. 

Medidas de controle 

Se era quase impensável imaginar o controle remoto de tarefas, hoje é possível fazê-lo graças a muitos softwares criados. Graças a eles, você pode monitorar o progresso de formas diárias a qualquer momento. Não hesite em colocá-los em prática para garantir o bom funcionamento de sua equipe virtual.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *