sapateiro

Sapateiro – Carreira, salário e mercado

Começando um negócio como sapateiro: “Sapateiro, fique com o seu tempo”, diz um ditado bem conhecido. Se você está pensando em iniciar seu próprio negócio como sapateiro ou sapateiro, deve levar esse comentário a sério e verificar os requisitos de entrada necessários para poder atuar profissionalmente. Isso deve ser feito de maneira prática no artigo a seguir, com um resumo compacto na forma de uma lista clara sendo oferecida no final.
 

Um artesanato tradicional em transição: um olhar sobre o ponto de partida

Sim, este sapato deve ser usado por aspirantes a trabalhadores independentes, porque uma olhada nos desenvolvimentos neste ofício tradicional mostra quais oportunidades e perigos são aparentes no que diz respeito ao projeto de independência profissional como sapateiro. Ninguém deveria ter esquecido o fato de que os sapatos se tornaram um produto de massa razoavelmente barato que pode ser comprado on-line e em lojas especializadas de todo o mundo. Hoje, os sapateiros não poderão mais se concentrar no principal campo de atividade real da produção individual de calçados, uma vez que a disposição de pagar muito por sapatos de alta qualidade tende a ser baixa . No entanto, é bem possível encontrar um nicho de mercado lucrativopara ser usado se o aspirante a sapateiro independente puder se colocar estrategicamente com um ponto de venda exclusivo (por exemplo, sapatos feitos sob medida com vários tipos de couro). Além desta possível área de responsabilidade, hoje em dia, o reparo de calçados também é de pouca importância, pois não faz sentido econômico que os clientes consertem um sapato a um preço de 19,99 euros.
 

Os sapatos se tornaram um produto de massa barato, mas …

Observa-se, portanto, que a produção em massa reduziu a área de responsabilidade do sapateiro a um pequeno nicho de clientes. Dependendo da localização e da situação competitiva favorável, é bem possível trabalhar de forma independente como sapateiro. Não se deve esquecer logo no início das considerações de que a Internet é uma ameaça e uma oportunidade para esta profissão artesanal tradicional: com uma loja on – line, você pode vender suas próprias criações de calçados em toda a Alemanha ou em todo o mundo. Também um serviço de reparo em toda a Alemanhaé facilmente possível na rota de remessa. Mesmo que houvesse muito mais sapateiros no passado, essa profissão artesanal nunca se extinguiu. Acima de tudo, uma oportunidade para o seu próprio negócio é que muitas pessoas estão dispostas a ir mais fundo nos bolsos para obter artesanato real e de alta qualidade. Com uma qualificação profissional adequada , oportunidades de crescimento também surgem no campo ortopédico . Portanto, a receita para o sucesso é: sapateiro, encontre seu nicho no mercado e forneça uma base crescente de clientes e uma base lucrativa de ganhos com uma presença real (loja especializada) e virtual (página inicial e loja on-line)!A embarcação na Alemanha ainda está fortemente ancorada na economia de médio porte, por isso goza de uma boa imagem neste país e no mundo, que deve ser usada com sabedoria em termos de tecnologia de marketing. Existem muitos motivos argumentativos para os sapatos feitos sob medida do sapateiro, porque raramente os sapatos prontos para uso se encaixam perfeitamente. A crescente tendência da saúde em nossa sociedade representa outra oportunidade para o futuro profissional.
 

Passos para o auto-emprego bem-sucedido como sapateiro

Quem quiser trabalhar por conta própria na Alemanha no setor de artesanato deve observar a obrigação do mestre artesão que se aplica a muitas profissões. Porém, tendo em vista o sapateiro, este foi inclinado , de modo que os requisitos de admissão são bastante baixos . No entanto, o treinamento especializado reconhecido pelo Estado deve definitivamente estabelecer as bases; a experiência profissional também parece ser de alta qualidade. Não se deve esquecer que o certificado de mestre artesão ainda pode exercer um forte poder de persuasão sobre os clientes. Mesmo se não houver obrigação formal de fazê-lo, essa qualificação adicional certamente resultará em melhores chances. As empresas iniciantes também podem obter informações deCâmara de Artesanato local , que além de seminários também ajuda nos cursos oficiais. Sapateiros autônomos tornam-se ‘automaticamente’ e um membro da Câmara de Artes mediante taxa. Além de representar os interesses, a Câmara de Artesanato cuida ativamente dos interesses de seus membros, para que toda a ajuda possível seja usada de forma consistente, especialmente na fase inicial. Nesse sentido, também deve ser verificado se podem ser utilizadas subvenções especiais. Quem abre uma loja pode literalmente contar com os investimentos necessários.
 

Um passo importante para combinar sapatos: análise holística do mercado

As considerações introdutórias deveriam ter deixado claro que o trabalho de um sapateiro não pode mais servir ao mercado de massa hoje. Do ponto de vista puramente técnico, também não é possível reparar ou fabricar profissionalmente centenas de sapatos manualmente todos os dias. Obviamente, o trabalho manual justifica preços mais altos e, portanto, uma situação de renda atraente, que tende a ser muito melhor do que em uma relação de emprego. É importante notar que um sapateiro está mais envolvido regionalmente. Então, qual é o tamanho da necessidade específica no local? Existe concorrência? Onde você pode abrir uma loja com muitos clientes que entram? Também deve ser levado em consideração que uma base maior de clientes também pode ser direcionada à Internet e ao crescente comércio on-line.
 

Um passo extremamente importante: desenvolver um plano de negócios

Uma vez tomada a decisão de se tornar autônomo e examinados todos os aspectos essenciais da posição inicial, a ideia de negócio deve ser estrategicamente compactada no papel em um plano de negócios profissional . Dessa forma, as empresas iniciantes são formalmente forçadas a considerar holisticamente todas as decisões importantes. Além da variedade de produtos e ofertas, dos preços e da análise ambiental, incluindo a seleção de locais, o financiamento é fornecidoum papel fundamental também. A experiência mostra que o sapato pressiona com mais força nos primeiros dois anos, principalmente porque os investimentos na loja e na oficina podem abrir um grande buraco. No entanto, um bom plano de negócios permite aos bancos convencer-se da ideia de negócio e, assim, obter nova liquidez. A escolha da forma jurídica também deve ser considerada , pois isso resulta em passivos contingentes. Uma etapa formal importante para o início das atividades comerciais é o registro de empresas e o registro de impostos na repartição de impostos do imposto sobre vendas.
 

Após um planejamento cuidadoso, é hora de uma implementação sustentável

Além da presença real no local, a Internet deve ser consistentemente integrada para fins de marketing e vendas desde o início, apenas para chamar a atenção dos clientes pesquisadores e para poder oferecer serviços de artesanato profissional além da localização regional. Uma página inicial profissional pode servir como ‘calçadeira virtual’ e convencer os clientes da habilidade do artesão. Não se deve esquecer que, além do trabalho manual como parte do trabalho independente, também o tópico de contabilidadeidealmente, deve estar no horário de trabalho todos os dias. Além de escrever faturas e verificar pagamentos recebidos, todas as receitas devem ser documentadas de forma que um demonstrativo financeiro anual inevitavelmente necessário possa ser processado rápida e corretamente. Uma análise frequente dos números também garante que possíveis desenvolvimentos indesejáveis ​​e gargalos de liquidez possam ser descobertos em um estágio inicial, a fim de tomar contramedidas. A obrigação formal pode assim ser transformada em uma virtude significativa no sentido de controle estratégico. As empresas iniciantes com pouco conhecimento contábil anterior devem receber treinamento adicional direcionado ou procurar ajuda profissional. Pode ser difícil, mas um bom artesão também deve ser um bom profissional:Além do que é habitual no mercado, os preços devem se basear no fator de horas de trabalho e no uso de materiais e, finalmente, permitir uma margem de lucro lucrativa.
 

Conclusão e perspectivas sobre o tema de se tornar autônomo como sapateiro

Quem está desempregado ou com salárioinsatisfeito após o treinamento como sapateiro, o trabalho independente oferece uma opção fundamentalmente atraente para a ação. A adaptação direcionada ou o chamado treinamento avançado pode abrir novas perspectivas profissionais (pense em métodos para processamento de couro, tecnologia ortopédica, segurança ocupacional ou similar). Em geral, um diploma com um foco correspondente no campo da tecnologia têxtil e de vestuário também pode permitir que você inicie seu próprio negócio nessa área. As considerações mostraram que essa profissão artesanal tradicional pode ter um futuro mesmo em tempos de produção em massa global, desde que empreendedores com know-how, criatividade, habilidades de negócios e bom serviço atendam uma lacuna no mercado. Aqui está oO desejo de individualidade na sociedade é certamente uma grande ajuda, porque as peças artesanais são extremamente populares. A este respeito, a compra de um sapato artesanal parece ser utilizável em todos os aspectos. No longo prazo, no entanto, o sucesso só será possível por meio de alta qualidade consistente, especialmente porque a propaganda pé a pé significa que o marketing é quase independente por meio de uma crescente base de clientes. Se você deseja colocar seus negócios em uma base mais ampla de receita, pode vender certos sapatos de marca com preços mais altos, além de lojas e varejo on-line, o que pode resultar em pedidos de acompanhamento com vistas a reparos. De qualquer forma, o título de mestre como pré-requisito para admissão não é mais necessário, embora tenha um efeito que não pode ser desprezado para os clientes na Alemanha consciente do artesanato.
 

Resumo e lista de verificação: auto-emprego bem-sucedido como sapateiro (sapateiro)

  • Verifique cuidadosamente a situação inicial (o ambiente profissional mudou de forma sustentável devido à produção em massa)
  • Registre negócios e use a associação obrigatória da Câmara de Artesanato para a fase inicial
  • Requisitos de admissão: não há mais uma licença de mestre artesão para operações comerciais independentes
  • Elabore um plano de negócios e ilumine todos os fatores essenciais de negócios (=> também importantes para os empréstimos necessários)
  • Escolha uma loja com uma localização conveniente (clientes walk-in!)
  • Integre a Internet de maneira consistente desde o início, a fim de aumentar a conscientização e as oportunidades de vendas (a fabricação e o reparo de calçados no local podem não ser mais suficientes)
  • o sapato certo para o sucesso: os clientes certos ou dispostos a pagar devem ser encontrados e convencidos
  • Princípio: uma embarcação profissional não pode e não deve competir de preço com produtos de massa. O preço significa qualidade e deve permitir margens atraentes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *